Santa Catarina
Startups de SC ganham apoio da FIESC, ACATE e SEBRAE
segunda-feira, 27. março 2017 - 14:30

Compartilhe:

Florianópolis, 24.3.2016 – Criada há 31 anos, em suas primeiras duas décadas de existência, a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (ACATE) viu surgirem 1,5 mil empreendimentos de base tecnológica no Estado. Essa quantidade duplicou nos últimos oito anos, crescendo de maneira mais acentuada em 2015 e 2016. Os números foram apresentados pelo presidente da ACATE à diretoria da Federação das Indústrias (FIESC), nesta sexta-feira, dia 24, no ato de assinatura de um termo de cooperação para o fortalecimento de startups catarinenses firmado entre a entidade, a FIESC e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE).
Clique aqui para ver a cobertura fotográfica completa da reunião de diretoria da FIESC
Startup é o termo utilizado para caracterizar empresas em implementação, com futuro promissor e focadas na inovação. “As entidades [FIESC, Acate e Sebrae] fazem um esforço de inovação e dão muito apoio à indústria; essa parceria concretiza a conjunção de esforços e Santa Catarina cada vez mais se fortalece na área de startups”, afirmou o presidente da FIESC, Glauco José Côrte.
O presidente da ACATE, Daniel dos Santos Leipnitz, revelou que indústrias de setores tradicionais procuram associação com startups em busca de inovações que lhes permitam manter a competitividade. “Assim como existem empresas baseadas em aplicativos que atingem os setores de hotelaria ou de transporte urbano, muitos setores industriais podem ser afetados”, disse, referindo-se empresas como o Uber e Airbnb. “Essa conjunção de forças é muito importante e precisamos transformar isso em entregas. O mercado está precisando de entregas e de conexões entre a indústria tradicional, os jovens inovadores e as novas empresas. Precisamos refletir e pensar de forma muito rápida para criar ações”, acrescentou. 
O superintendente do SEBRAE/SC, Carlos Guilherme Zigelli, destacou que muitos empresários catarinenses são líderes no que fazem e muitos deles são de micro e pequenas empresas. “Essa é a razão fundamental para estarmos juntos nesse projeto”.
O acordo concretiza a conexão de esforços entre os partícipes para a promoção de ações conjuntas utilizando os ativos já existentes das entidades, por meio da identificação de atividades de interesse comum entre as partes com foco na realização de intercâmbio de conhecimento e tecnologias; fomento aos habitats de inovação em prol das startups no Estado; fortalecimento da integração da cadeia e a relação entre grandes empresas e pequenas e médias empresas.
 
Assessoria de Imprensa
Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina
*Acordo concretiza promoção de ações conjuntas para o fortalecimento da integração da cadeia e a relação entre grandes, médias e pequenas empresas. Foto: Fernando Wiladino

Você sabia que seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência utilizando nosso website, nós recomendamos que você atualize para a nova versão ou instale um outro browser. Apresentamos uma lista dos browsers mais populares logo abaixo.

Apenas clique em um dos links abaixo para ir para a página de download: