Polos Regionais

11/dez/2018

Projetos Novos Talentos SC Games forma 170 estudantes

Criar, programar, aprender, desenhar e jogar game fez parte da rotina dos formandos do Projeto Novos Talentos SC Games. Todo esse aprendizado foi apresentado na solenidade de formatura que ocorreu no dia 5 de dezembro, na sala de cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis.

O evento contou com a entrega dos certificados para os alunos, que ao final da solenidade  apresentaram os jogos que foram criados ao longo deste ano. Os cursos foram oferecidos para crianças e adolescente de 09 a 17 anos, em sua maioria alunos de escolas públicas da Grande Florianópolis. Este ano o projeto contou com a formação de nove  turmas: Iniciação para games matutino/ vespertino; Robótica; Artes e Design matutino/ vespertino; programação matutino/vespertino , Clube SC Games de programação e artes para jogos no Senai.

 

Para a coordenadora do projeto Márcia Regina Battistela, é muito importante permitir o contato dos jovens com as novas tecnologias “Nossa cidade é um polo tecnológico, e essas crianças e adolescente podem conhecer, e mais tarde se decidirem seguir nesta área, que necessita de mão de obra qualificada, eles já saem na frente, com um ótimo conhecimento das ferramentas utilizadas atualmente neste mercado”, informa Márcia.

 

Na formatura também foi apresentado o resultado do “Iniciar empreendedor”, uma iniciativa para que jovens talentos aprendam a criar sua própria empresa.  Saulo Messias da Silva e Tamiko Yamada ministraram neste último semestre o curso que abordou temas como empreendedorismo, marketing, finanças, abertura de empresa e pitch. Os estagiários que fazem parte do projeto tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre o mundo dos negócios.

 

O projeto Novos Talentos – SC Games teve também a iniciativa de apoiar o movimento Coletiva das Minas, que participou do evento mostrando o talento de empreendedoras em economia criativa.

 

Lançado em 2009, o Novos Talentos – SC Games é uma realização do CIASC e conta com apoio das Secretarias de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), de Educação (SED), Fundação Catarinense de Cultura FCC, FEESC, ACATE, Secretaria Municipal de Educação – SME, Senai, Senac, UFSC e UDESC. E patrocínio da empresa PalmSoft.