Destaques

10/Aug/2020

Desenvolvimento do empreendedor como líder é um dos pontos principais do programa de incubação MIDITEC

Incubada pelo programa da ACATE, a Pixeon tem Iomani Engelmann como sócio-fundador. Engelmann tornou-se o primeiro empreendedor que passou pelo MIDITEC e assumiu a presidência da Associação

O propósito do MIDITEC está no desenvolvimento de negócios de alto impacto que contribuam para o desenvolvimento do setor de tecnologia catarinense. O ponto principal do programa de incubação está na evolução do empreendedor como líder. O desenvolvimento deste papel é importante para a atuação dentro da própria startup, mas também fora dela. O atual presidente da ACATE, Iomani Engelmann, sócio-fundador da Pixeon, tornou-se o primeiro empreendedor que passou pelo MIDITEC e assumiu a presidência da Associação. Investida por grandes fundos como Riverwood Capital e Intel Capital, a Pixeon passou por um processo de fusão, adquirindo três outras empresas, e se tornou uma das principais do setor de healthcare IT do Brasil.

A história da Pixeon, fundada e incubada em 2003, é a prova de que Iomani, seus sócios e toda a equipe da empresa possuem as qualidades necessárias para o sucesso do negócio. Quando incubada, a empresa recebeu ajuda na formação do empreendedor de maneira sistêmica, com disciplinas importantes de serem dominadas, como Marketing, Recursos Humanos, Finanças e Planejamento.

Ao conversar com Iomani, é evidente a vontade em retribuir para o ecossistema tudo o que lhe foi oferecido para o próprio desenvolvimento e também da Pixeon. O sócio-fundador destaca que a oportunidade em ser mentorado e o contato com empresários mais experientes, tanto dentro do MIDITEC quanto depois de sua graduação, contribuíram muito para a sua evolução enquanto líder.

Engelmann reforça também que a participação ativa na Vertical Saúde, a mentoria, as participações em conselhos de empresas e a atuação como investidor anjo fizeram com que ele estivesse preparado para atuar como vice-presidente de Mercado da ACATE antes de assumir a presidência da instituição.

A trajetória de Iomani mostra muito da importância em participar de um ecossistema com o objetivo de desenvolvê-lo. “Em alguns momentos você vai contribuir mais do que extrair e em outros você dependerá dele para se desenvolver”, pontua o sócio-fundador da Pixeon e atual presidente da ACATE.

O MIDITEC busca estar presente em todos esses momentos, construindo um ecossistema cada vez mais forte.

Pixeon
Ao longo de sua trajetória, a empresa já conquistou importantes prêmios no cenário nacional, entre eles: “Troféu Expressão de Excelência Tecnológica” (2005 e 2006), na categoria Pequena Empresa, concedido pela Editora Expressão – responsável pela etapa Sul do Prêmio FINEP; “Prêmio Empreendedor de Sucesso” (2007), na categoria Oportunidade, realizado pela Revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, da Editora Globo, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas – FGV; “Prêmio Nacional de Empreendedorismo Inovador” (2008), da Anprotec, na categoria a “Melhor Empresa Graduada”.
Além desses grandes feitos, a Pixeon coleciona o prêmio de “Melhor Empresa Graduada” Anprotec, com um faturamento que ultrapassa R$ 1 milhão e novas parcerias comerciais.