Santa Catarina

14/mar/2018

Expen 2018 comprova que Oeste é um forte polo tecnológico do Estado

O setor de tecnologia e inovação cresce ano a ano em todo o País. O Oeste catarinense tem se destacado no setor.

O setor de tecnologia e inovação cresce ano a ano em todo o País. O Oeste catarinense tem se destacado no setor. De acordo com pesquisa da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate), a região possui 11% das empresas e é responsável por 8% do faturamento do Estado. O Oeste é a segunda região que mais cresce em SC, com índice de 9,6%, atrás apenas da região serrana. Chapecó também é destaque no número de startups: está na segunda posição no ranking nacional, sendo a segunda cidade brasileira com mais startups proporcionalmente à população.

Os dados foram enfatizados pelo presidente da Feira de Soluções Empresariais (Expen)Ernani Zottis, na abertura do evento nessa semana, no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nês, em Chapecó. Com o tema “Transformação digital para o seu negócio”, a Expen 2018 segue até esta sexta-feira (16), das 14 às 22 horas. A organização é da Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec). A abertura da feira reuniu empresários, lideranças políticas, expositores, patrocinadores, apoiadores, visitantes, profissionais da imprensa e convidados.

Zottis enfatizou que as empresas, universidades e entidades de Chapecó e região comercializam produtos e serviços para todo o País e exterior. “O Oeste é um dos polos tecnológicos do Estado que mais crescem e, com a programação da Expen, pretendemos desenvolver a cultura do empreendedorismo e da inovação na região, além de trazer experiências, cases de sucesso, despertar a vontade de buscar conhecimento e incorporar isso nas organizações”.

Além de seis palestras magnas, complementa a programação nove workshops temáticos promovidos pelos expositores. “Os visitantes e expositores têm à disposição, ainda, linhas de créditos especiais voltadas especificamente para a inovação que estão sendo oferecidas durante a feira pelo Badesc e pelo Sicredi”, acrescentou Zottis.

O presidente da Deatec, André Telöcken, salientou que desde 2005, quando foi fundada, a entidade contribui para o crescimento do setor no Oeste. “A Deatec tem exercido um papel fundamental para o desenvolvimento do ecossistema inovador na região, atuando para fomentar a ampliação de novos negócios e de inovação”. Telöcken ressaltou que todo o desenvolvimento da Expen foi realizado por empresas da região. “Assim, o Oeste se consolida cada vez mais no turismo de negócios, na realização de feiras e na transmissão de conhecimento”.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo Marcio Sander frisou o apoio do município ao setor, com a criação da Lei Municipal de Inovação e do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, presidido por Ernani Zottis. O prefeito Luciano Buligon destacou a importância do segmento para a economia local e regional. “Chapecó completou o primeiro centenário com uma economia pujante e, para continuar crescendo no segundo centenário, o caminho é a ciência, tecnologia e inovação”.

Também se manifestou, durante o protocolo, o presidente da Agência de Fomento de Santa Catarina (Badesc), José Caramori, que falou em nome dos patrocinadores da Expen.

A FEIRA

Focada em soluções empresariais, a Expen é a primeira feira do Sul do Brasil a unir multissoluções em serviços, gestão e tecnologia, proporcionando a Chapecó e região oportunidades de negócios, tendências e inovações nas mais diversas áreas corporativas. O principal objetivo é estimular a economia, o empreendedorismo e o aperfeiçoamento das empresas e profissionais, oferecendo soluções completas para todas as etapas de maturação de uma empresa, desde o planejamento de um novo negócio até a gestão e conquista de novos mercados.

São patrocinadores principais da Expen 2018 a Optidata, o Badesc, a Sicredi Região da Produção RS/SC, a Unochapecó e a Inviolável. A feira tem ainda apoio da prefeitura de Chapecó, ACIC, SICOM, FIESC/SENAI, Giulietta, Associação Chapecoense de Futebol, Hotel Holiday & Business, Unimed Chapecó, Europe Café, Sindicato das Empresas de Processamento de Dados, Software e Serviços Técnicos de Informática dos Estado de Santa Catarina (Seprosc), Gráfica Mercur e Ampliza.

A visitação é franca, das 14 às 22 horas. Basta credenciamento no site www.expen.com.br ou na recepção do evento. O credenciamento não garante o lugar nas palestras, portanto, é necessário chegar cedo.

PALESTRAS DA QUINTA-FEIRA (15)

Empreendedorismo e inovação, como as startups estão destruindo mercados tradicionais e como transformar problemas em oportunidades serão alguns dos temas abordados em palestra do empreendedor, escritor, palestrante e podcaster João Cristofolini, às 17 horas. Cristofolini desenvolveu mais de sete negócios, de redes de franquias a startups de tecnologia. Hoje é CEO e fundador da startup Pegaki, considerada uma das maiores inovações do mercado de e-commerce brasileiro, e autor do ResumoCast, um dos podcasts mais influentes do Brasil (resumo de livros para empreendedores) que impacta semanalmente mais de 30 mil pessoas. É palestrante, autor de seis livros, entre eles “O que a escola não nos ensina”, “MBA empreendedor”, “Jovens empreendedores”, “Os 15 maiores erros de novos empreendedores” e “Dose de insight”. Considerado um dos jovens empreendedores brasileiros de maior influência e referência da atualidade, em 2015 recebeu o prêmio Ozires Silva, como destaque por fomentar o empreendedorismo no País.

Às 19h30 será a vez de Tallis Gomes, fundador do Easy Taxi, o maior aplicativo de táxi do mundo que, sob sua gestão, foi expandido para 35 países em quatro continentes. Em 2017 a Easy Taxi fundiu-se com a Cabify, em uma das três mais importantes M&A de tecnologia na história brasileira. Listado pela Forbes 30 under 30, eleito em 2017 pelo MIT como o jovem empreendedor mais inovador mundo, na lista under 35, e listado pela principal revista científica no Brasil como uma das 25 pessoas mais influentes na internet brasileira e eleito Líder Jovem do Ano por Latin Trade Foundation em Miami. Atualmente, Tallis é CEO e fundador do Singu, maior aplicativo voltado para o mercado de beleza e bem-estar do Brasil e autor de "Nada Easy", best-sellers na categoria negócios. 

PALESTRAS DA SEXTA-FEIRA (16)

A palestra “A ERA DO BITCOIN” ocorrerá às 17 horas, com o professor da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Emílio Wuerges. Evangelista do Software Livre, Cripto-Moedas, Programação Funcional e da Maratona de Programação, Wuerges possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005), mestrado em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008) e doutorado em Engenharia de Automação e Sistemas pela Universidade Federal de Santa Catarina (2015).

Para encerrar, às 19h30, o consultor de projetos Antonio Marcon abordará o tema NOVAS FRONTEIRAS DOS BENEFÍCIOS FISCAIS PARA INOVAÇÃOMarcon é Balanced Scorecard (BSc) em Informática pela Universidade Federal de São Carlos, possui MBA em Administração de Mercadorias da ESPM São Paulo e é candidato de doutorado em política de ITS da Unicamp/DPCT. Seu principal interesse de pesquisa é a internacionalização acelerada das pequenas e médias empresas (PMEs) do conhecimento intensivo. Foi gerente de P & D do Centro de Pesquisa Samsung SRBR e chefe do Programa de Economia Criativa, em colaboração com a Anprotec e a CCEI Korea, para promover startups inovadores no Brasil. Contribui constantemente para remodelar o ambiente institucional e os canais de colaboração entre as PMEs de tecnologia e as Cadeias de Valor Global.