Ecossistema

08/out/2019

Lei municipal para inovação e tecnologia em Florianópolis

Evento irá reunir empresários e especialistas em Florianópolis para debater as políticas públicas e financiamento do setor

No próximo dia 15 de outubro, Florianópolis será palco para um importante debate sobre políticas públicas para o financiamento de projetos na área da tecnologia e da inovação no município.

Através do Programa de Incentivo à Inovação (PII) oferecido pela Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, empreendedores da cidade podem propor projetos inovadores dentro de áreas temáticas, como Educação, Energia, Saúde, Tecnologias de Informação, Comunicação, Microeletrônica e Nanotecnologia, entre outras. Os projetos são encaminhados para análise de um Comitê Gestor, nos termos desta lei de incentivo, e se aprovados, recebem autorização oficial para buscar os recursos com incentivadores da cidade, que podem ser empresas ou pessoas físicas, aptas a direcionar até 20% de seu ISS e IPTU pagos em Florianópolis.

A lei de incentivo é um mecanismo de fomento ao ecossistema da inovação e da tecnologia de Florianópolis. Por meio desta lei, a Prefeitura busca estimular soluções inovadoras para problemas e demandas reais da cidade, gerando emprego, renda e crescimento para este setor.

Similar à lei da inovação, Florianópolis também conta com o mesmo mecanismo de financiamento para a área da cultura, com esta lei em funcionamento desde 1991. As duas leis, felizmente, não concorrem entre si e os incentivadores podem destinar até 40% de seus impostos para estimular a arte, a cultura – e também a inovação e a tecnologia em Florianópolis.

O evento pretende reunir público empresarial da área de tecnologia e especialistas dentro destes temas. É uma iniciativa da Vertical de Governança e Sustentabilidade da ACATE – Associação Catarinense de Tecnologia, realizado em conjunto com os parceiros FIESC, Bee The change, GIFE – Grupo de Institutos e Fundações Empresariais e IDIS, com apoio de diversos atores empresariais, como a FECOMÉRCIO SC, FACISC – Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina, Movimento Nacional ODS Santa Catarina, CRC SC e ABCR – Associação Brasileira de Captadores de Recursos.

As inscrições são gratuitas e as vagas já foram preenchidas rapidamente, reflexo do interesse e da importância deste tema para o setor.

Confira abaixo a programação do evento.

SOCIAL TALK – 15 de outubro de 2019

Lei Municipal de Incentivo à Inovação de Florianópolis

08:00 – Coffee de Boas Vindas, oferecido pela empresa Incentive®

08:30 – Abertura Vertical de Governança e Sustentabilidade da ACATE, com lançamento do Ebook de Indicadores

09:00 – PAINEL 1: A Lei de Inovação de Florianópolis

Palestra com Marcus Rocha, Superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação da Prefeitura de Florianópolis: Como captar recursos através do Programa de Incentivo à Inovação de Florianópolis.

Debate com o palestrante e convidados:  Ricardo Grassmann (representante da API Energia), Jucelha Carvalho (Smart Tour Brasil), Paula Borges Lins (Instituto Maratona Cultural), com mediação de Clarissa Iser (Bee The Change), representando o núcleo catarinense da ABCR – Associação Brasileira de Captadores de Recursos.

10:00 – PAINEL 2: Investimento em Inovação com Incentivos Fiscais

Palestra com Clarissa Iser, fundadora da plataforma Bee The Change: Como investir em tecnologia e inovação em Florianópolis usando 20% do ISS e 20% do IPTU.

Debate com o palestrante e convidados:  Salete Pereira (Jurerê Internacional), Andrea Silva (Grupo Nexxera), Rodrigo Rossoni (presidente da ACIF), com mediação de Carla Cunha, representando a Vertical de Governança e Sustentabilidade da ACATE.

11:00 – Debate aberto com o público: Oportunidades e Desafios para o Ecossistema de Inovação de Florianópolis.

11:30 – Encerramento com pré-lançamento do Prêmio Sustentec.